Skip to content

O que é NFT e como funciona?

o que e nft como funciona

NFT significa “non-fungible token” (token não fungível). Para entender do que se trata esta tecnologia, é importante saber o que significam os termos “token” e “fungível”.

No mundo da moeda criptográfica, tokens, tais como dinheiro, propriedade ou obras de arte, são armazenadas em uma blockchain, uma tecnologia que surgiu no final de 2008 com o BTC (bitcoin). Exemplo: Quando uma pessoa possui uma escritura para um bem, ela assume que tem direito a esse bem ou parte dele.

Segundo o Código Civil brasileiro, um bem permutável é aquele “que pode ser substituído por outros bens do mesmo tipo, qualidade e quantidade”.

Exemplo: uma nota de R$ 100 é fungível porque pode ser trocada por duas notas de R$ 50. Entretanto, a pintura “A casa amarela” do pintor holandês Vincent van Gogh não é fungível porque é exclusiva e não pode ser trocada por outra pintura semelhante.

Um NFT é, portanto, a representação de um fator único, que pode ser digital – por exemplo, um gráfico gerado por computador – ou físico, por exemplo, uma pintura. Além de obras de arte, canções, personagens de jogos, momentos esportivos únicos e memes, há também a possibilidade de se tornar um só.     

Para que serve o NFT?

Agora que você sabe o que é NFT, é mais fácil descrever por que esta tecnologia está fazendo barulho no planeta digital.

Se você tem acompanhado esta era, você terá notado que o meme Nyan Cat 2011 foi vendida por um incrível U$3 milhões em um leilão em uma plataforma de moeda criptográfica, como visto neste artigo.

O Doge meme, que retrata o cão Shiba Inu e foi até convertido em uma moeda criptográfica (Doge Coin), foi vendido por U$ 4 milhões.

E o NFT mais caro vendido até agora é a colagem Everydays: The First 5000 Days do artista digital Beeple, que foi vendido em um leilão on-line por U$69,3 milhões.

Agora você pode estar se perguntando por que alguém pagaria milhões por um documento digital que pode ser reproduzido gratuitamente na Internet.

A iniciativa tem aproximadamente o mesmo valor de uma pintura original, por exemplo, “Noite Estrelada” de Van Gogh, na parede de sua sala de estar. Pode haver muitas cópias, mas somente você possui a pintura autêntica do artista, e nada pode substituir o preço de uma obra desse tipo.

É o mesmo com o NFT: a pintura pode ser reproduzida on-line o tempo todo, mas somente você tem o documento original e o selo de autenticidade.

Assim, você entra na posse do objeto bastante rara que está se tornando cada vez mais valiosa em um mundo digitalizado e rotulado.

Outro exemplo do uso do NFT é a distribuição de filmes, como o “Zero Contact” de Anthony Hopkins, que é distribuído neste formato. Na realidade, qualquer documento ou contrato digital que envolva custos pode ser vendido no modo NFT.

Como os NFTs interagem com a Blockchain?

As transações com NFTs ocorrem através da blockchain, a mesma tecnologia usada para negociar e vender moedas criptográficas.

Em resumo, a Blockchain é um sistema coletivo e descentralizado que permite validar transações on-line sem passar por uma única organização ou instituição.

Para garantir que as NFTs sejam seguras, autênticas e indestrutíveis, a blockchain tem uma segurança criptográfica fundamentalmente intacta que é mantida e validada por um grande número de computadores conectados.

Toda vez que um NFT é vendido, a transação é armazenada no grande livro razão público da blockchain e nunca desaparece, porque quando um novo bloco é adicionado, ele permanece como parte da cadeia.

Em outras palavras, é por isso que as NFTs são tão raras e importantes, pois somente esta tecnologia pode garantir a absoluta confiança na autenticidade de um documento, assim como garante a autenticidade das moedas criptográficas.

É de se esperar que os NFTs com maior rotatividade estejam atualmente na blockchain da Ethereum (ETH), uma das moedas criptográficas de maior sucesso no mercado.

Como funciona o NFT?

o que e nft como funciona

Gostaria apenas de resumir o que temos observado até agora: NFT é um token não fungível que autentica um produto digital e pode ser processado por uma blockchain.

Em outras palavras, a mesma rede utilizada para a comercialização e venda de ativos fungíveis, tais como moedas criptográficas, foi criada para mover ativos digitais únicos e reprodutíveis.

A diferença entre a NFT e outras moedas criptográficas é a chamada “escassez digital verificável”, que deriva de seu tokenismo. Para a troca de ativos digitais únicos na Internet, foram desenvolvidas regras criptográficas para criar tokens que são únicas durante sua vida útil e não podem ser substituídas ou destruídas.

Um desses padrões é o ERC-721, que é usado para trocar transações criptográficas bem sucedidas na rede Ethereum. O uso deste token não-transportável faz de um documento um “item de colecionador”, já que seu valor reside precisamente em sua raridade.

O código do token contém campos como nome, assinatura, proprietário, aceitação de propriedade, transferência, metadados e outros recursos semelhantes aos de um contrato inteligente.

Tudo para garantir que o NFT seja um verdadeiro selo original digital e não pode ser modificado, duplicado ou manipulado.

Veja também: O que é o Metaverso, como pode impactar a sociedade humana?

Como o NFT é utilizado

Como vimos, o NFT tem sido usado para comercializar todos os tipos de produtos digitais com a estabilidade da tecnologia blockchain. Na verdade, o padrão para tokens infalíveis existe desde o início dos anos 2010, mas a glória só veio com o surgimento dos crypto-ativos.

Atualmente, o principal caso de uso do NFT é o crescente setor de criptografia de moedas. O mercado NFT valerá US$ 2 bilhões internacionalmente até 2022, 40 vezes mais do que em 2020.

Ao mesmo tempo, o número de carteiras ativas NFT aumentou 159% no mesmo período, para 142.000 carteiras.

O que pode ser negociado com os NFTs?

Agora que você aprender o que é um NFT, surge a questão sobre o que pode ser negociado com ele.

Os primeiros NFTs comercializados no mundo eram itens de jogos digitais, e hoje já é possível comercializar imagens, vídeos, textos, memes, fitas, etc.

A plataforma Nifty Gateway, por exemplo, vende peças de diferentes artistas digitais de um grande catálogo NFT.

Na Binance NFT, desenvolvido pelo conhecido binômio de moedas criptográficas, a maior exchange do planeta, vende trabalhos em categorias como arte, esportes, entretenimento e jogos.

 Enquanto isso, a NFT Trend é o principal mercado do país para tokens não fungíveis.

Deixe seu comentário abaixo!